Comunidades Rio de Janeiro, Brasil e São Gonçalo

INTRODUÇÃO:
Muitos Baalei Teshuvah (Mestres do arrependimento), como costumamos chamar os que estão se arrependendo de práticas fora da Instrução de HaKadosh Baruch hu e retornando para a obediência da torah, perguntam quando abriremos uma sinagoga aqui, ou ali.

Essa pergunta remonta a cultura da galut, onde importa ir a um lugar para rezar. Uma sinagoga não é montada para depois juntar comunidade. A Sinagoga Nasce em torno de uma comunidade. Se um Israelita mora na diáspora longe do Kniss (Local de oração ou sinagoga) ele simplesmente vai morar perto de um. Não se trata de proximidade do local da reza, mas da comunidade. Devemos viver em comunidade e não em CONGREGAÇÃO de pedra.A CONGREGAÇÃO:

Com a finalidade de unir os achim da comunidade já existente de São Gonçalo de rito sefaradi (Obrigatoriamente), estamos abrindo um núcleo que funcionará como centro de ajuntamento. A comunidade já vem se reunindo e assim que possível teremos um kniss para aglutinar serviços como Limud Torah (estudo da torah), Mikvah (Local para tevilot rituais) e etc.

Não será um local para visitas, mas para abrigar a comunidade unida com o propósito de rezar e manter a torah viva. Não somente de estudos, mas da prática para uma comunidade atuante em tzedakah, gmilut chassadim e etc.

OUTRAS COMUNIDADES:
Se você tem afeição por nosso trabalho, tem se alimentado e deseja nosso apoio sincero, entre em contato por e-mail ou pelos telefones. Não temos um funcionário em tempo integral, nem tão pouco um Talmid Chacham, temos somente voluntários que se desdobram entre trabalhos laicos e atividades familiares, faculdade e afazeres para que a comunidade continue funcionando. Sendo assim pedimos que os meios de comunicação sejam prioritariamente e-mail, com o titulo NOVA COMUNIDADE.

yaakovbenlev@yahoo.com
Ou por telefone 021 (Rio de Janeiro) 3286-5490 – de 22 as 22:30 de sábado a quinta. (favor não ligar sexta a noite).
Apoiamos comunidades que amem Israel como povo, que aceitem o julgo leve da torah e os 13 princípios da fé judaica. Não cremos que alguém precise cumprir toda a Torah em um único dia a obediência é um processo e cada um tem um ritmo.   Para demais informações, entre em contato.
Att.,
R. Yaakov Benlev
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s